Advertência

As matérias aqui publicadas são de inteira responsabilidade dos autores, não significando necessariamente a opinião oficial da AMCES

terça-feira, 25 de março de 2014

Ciclo de palestras: Objeção de consciência

A Associação dos Médicos Católicos do Espírito Santo convida os médicos, acadêmicos de medicina, profissionais da saúde e demais pessoas a quem possa interessar para um ciclo de três palestras do professor Leonardo Penitente sobre o tema "OBJEÇÃO DE CONSCIÊNCIA". O assunto será abordado em três perspectivas diferentes: filosófica, teológica e jurídica.

Primeira palestra:
Dia 29/03 (sábado próximo). 
Local: Igreja São Gonçalo (Cidade Alta, Vitória).
Horário: 9h30min (após a Santa Missa na forma extraordinária do Rito Romano, que começa as 8h).

Segunda palestra:
Dia 26/04 (sábado)
Local: Auditório do CRM-ES (a confirmar).
Horário: 10h (a confirmar).

Terceira palestra:
Dia 31/05 (sábado)
Local: Auditório do CRM-ES (a confirmar).
Horário: 10h (a confirmar).

Lembrando que na primeira sexta-feira do mês de abril, (04/04), às 19h30min, teremos a Santa Missa no auditório do CRM-ES.

Em breve, divulgaremos o calendário das atividades da AMCES previstas para o ano de 2014. Pedimos a colaboração de todos na divulgação destes eventos.





sexta-feira, 14 de março de 2014

CONVOCAÇÃO: Importante reunião no próximo dia 24

Caros médicos católicos,

a AMCES (Associação dos Médicos Católicos do Espírito Santo) convida a todos, mesmo aqueles que nunca participaram de qualquer atividade nossa, para uma importante reunião de apontamentos em que tomaremos uma série de decisões fundamentais para o bom desenvolvimento do programa da entidade para os próximos anos.

Entre os assuntos, destacam-se:

- Missão médica caritativa na região Amazônica, em parceria com a Arquidiocese de Vitória e a Prelazia de Lábrea (Maio e Julho de 2014)
- Definição do dia, hora e local das nossas Missas: atualmente acontecem na primeira sexta de cada mês (devoção ao Sagrado Coração de Jesus) no auditório do CRM-ES. Há possibilidade de passarem para o primeiro sábado (devoção ao Imaculado Coração de Maria), pela manhã, na Capela do Hospital das Clínicas.
- Organização e divulgação da AMCES nas Comunidades e Paróquias.
- Últimas definições sobre os Encontros Acadêmicos que terão início provavelmente no dia 29 deste mês, com o tema "Objeção de Consciência".

Compareça!

DATA: 24/03 - Segunda-feira
LOCAL: CRM-ES
HORA: 19h30min

No amor de Cristo,
Ricardo Passamani - secretário.

quarta-feira, 18 de dezembro de 2013

Feliz Natal e Próspero Ano Novo

O ano de 2013 vai chegando ao fim. Nossos corações agora voltam-se para Jesus e para a reforma de nossa vida.

A festa de Natal e o tempo que a antecede (Advento) são ocasiões propícias para uma renovação espiritual verdadeira. Uma boa confissão após um exame de consciência sincero e extenso é certamente fundamental para ordenar a nossa alma para Deus.

Além disso, a virada do ano civil pode ser uma oportunidade para renovar os bons propósitos ou fazer novos, caso necessário, a fim de que a nossa vida seja cada dia mais coerente com o Evangelho e repleta do amor de Deus.

Como está escrito: "Caritas Christi urget nos" (o amor de Cristo nos impele). Que esse amor de Cristo, que podemos contemplar com tanta doçura e afeto na simplicidade dos presépios, seja a motivação que precisamos para sermos bons cristãos, pessoas melhores e cidadãos de bem.

A Associação dos Médicos Católicos do Espírito Santo faz votos de que a sua vida, caro leitor, seja abençoada pela presença de Jesus. Abra bem as portas do seu coração e deixe a luz do Céu entrar. Maria Santíssima e São Lucas nos ajudem a todos.

quinta-feira, 7 de novembro de 2013

Nova diretoria da AMCES

No dia 14 de outubro próximo passado, foram realizadas as eleições para a diretoria da Associação dos Médicos Católicos do Espírito Santo. A chapa foi formada por consenso entre os presentes.

A tomada de posse dos eleitos ocorreu durante a Santa Missa do dia 01 de novembro, celebrada pelo padre Adenilson Antonio Schmidt, na sede do Conselho Regional de Medicina do Espírito Santo.

A nova diretoria ficou assim constituída:

DIRETORIA EXECUTIVA
Presidente: Dr. Flávio Luiz Rua Ribeiro
Vice-presidente: Dr. Ayrton Gomes da Fonseca Filho
Secretário: Dr. Ricardo Petroni Smiderle Passamani
Tesoureira: Dra. Sayhonara Christina de Almeida Zanotti

CONSELHO FISCAL
Dr. Geraldo Nogueira de Oliveira (Presidente)
Dr. José Brunoro
Dr. Paulo Roberto Moulin Junior
Dr. Edmar Olympio
Dra. Maria Elizabete de Carvalho Marinho

Aos nossos leitores, pedimos orações para que a nova diretoria consiga levar adiante este apostolado, para a maior glória de Deus e para o bem das almas.

Viva a cultura da vida!


quinta-feira, 26 de setembro de 2013

Dr. Mario Tadeu fala sobre a reinauguração da Capela do HUCAM

Publicamos a belíssima entrevista concedida pelo professor Dr. Mário Tadeu Penedo Borges, a respeito da recente e faustosa reinauguração da Capela Santa Terezinha do Menino Jesus, no Hospital Universitário Cassiano Antônio de Moraes (HUCAM-UFES), também conhecido como Hospital das Clínicas.

AMCES: Conte um pouco sobre a sua história de vida. Como decidiu ser médico? E por que é católico?

Dr. Mário Tadeu: A minha família é grande e são todos católicos praticantes. Estudei (antigamente) o primário, o ginasial e o científico no Colégio Salesiano de Vitória, onde havia todos ensinamentos do cristianismo-catolicismo.

Eu decidi ser médico porque meu pai foi um grande médico pediatra aqui em Vitória, e nenhum dos meus 06 irmãos optaram por esta profissão. Estudei na Faculdade de Medicina da UFES.

AMCES: O que motivou o senhor a liderar o processo de restauração da Capela Santa Terezinha?

Dr. Mário Tadeu: A iniciativa da restauração da capela do Hospital das Clínicas, foi da coordenadora da Câmara Técnica de Humanização do HUCAM (Janildes dos Santos) da qual faço parte, que perguntou-me se eu aceitava levar adiante este dificílimo projeto e eu aceitei. 

AMCES: O senhor poderia nos contar um pouco da história da Capela?
 
Dr. Mário Tadeu: A capela Santa Terezinha do Menino Jesus do Hospital das Clínicas, foi inaugurada em 1957, pelo diretor do então Sanatório Getúlio Vargas, Dr. Jaime Santos Neves, e foi construída a pedido dos pacientes que aí ficavam internados por longos períodos e necessitavam de um local para fortalecimento espiritual e assim ajudá-los na recuperação de sua saúde.

AMCES: Quais as maiores dificuldades que o senhor enfrentou para levar adiante o projeto?
 
Dr. Mário Tadeu: As principais dificuldades para a conclusão da nossa obra de restauração da capela foram a obtenção de recursos financeiros e doações. Um grande percentual do dinheiro necessário foi obtido através da venda do livro de minha autoria "A LUA CHEIA NASCE PARA TODOS" que eu doei para este projeto

AMCES: E quais foram as surpresas positivas?
 
Dr. Mário Tadeu: Em primeiro lugar foi o sucesso de vendas do livro acima citado. Não esperávamos vender 700 exemplares no prazo de apenas 4 meses. Em segundo lugar foi a participação voluntária do setor de manutenção do HUCAM, através do seu chefe Rogério Cardoso Loureiro, que eu não conhecia e considero a sua participação por iniciativa própria um verdadeiro milagre. Dediquei a ele um capítulo do meu segundo livro sobre a reabertura da capela, chamando-o: "São Rogério da Manutenção". Este livro ficou belíssimo, segundo aqueles que estão comprando-o. Continuamos vendendo este livro para ajudar em algumas dívidas que ainda ficaram da obra de restauração.

AMCES: Na sua opinião, qual a importância que a Capela tem para o Hospital Universitário Cassiano Antônio de Moraes?

Dr. Mário Tadeu: A importância da capela para o hospital também está descrita detalhadamente neste livro. Em poucas palavras eu diria que é um local sagrado para o fortalecimento espiritual de toda a comunidade do HUCAM, principalmente os pacientes e os seus parentes. Dando-lhes conforto, esperança e colaborando muito na recuperação da sua saúde.
 
AMCES: Deseja fazer algum apelo, divulgação ou pedido especial aos médicos católicos do Espírito Santo e aos pacientes?
 
Dr. Mário Tadeu: A capela continua dependendo de doações. Ela não tem verba oficial. Se algum médico quiser fazer uma pequena doação ou comprar o meu segundo livro, que descreve todo o milagre deste projeto, estamos vendendo-o (R$ 20,00) lá no HUCAM.

A capela já está tendo missa todas às quartas-feiras, às 15:00 horas. Pretendemos fazer uma belíssima missa de natal dia 20 de dezembro próximo às 19:30 horas.
 




sábado, 21 de setembro de 2013

Papa Francisco fala aos ginecologistas

Extraído de Zenit
O papa Francisco lembra que a vida é sagrada e inviolável sempre
ROMA, 20 de Setembro de 2013
Francisco refletiu sobre a situação paradoxal da profissão médica. Por um lado, explicou, estão os progressos da medicina e por outro o risco de que o médico perca a própria identidade de servidor da vida. Disse o Papa durante a audiência desta manhã aos ginecólogos católicos que participam no Encontro da Federação Internacional das Associações de Médicos Católicos.
Esta situação paradoxal, explicou o Santo Padre "é vista no fato de que, enquanto as pessoas recebem novos direitos, às vezes até mesmo presumidos, nem sempre a vida é protegida como um valor primário e o direito básico de todos os homens. O objetivo final dos médicos sempre é a defesa e promoção da vida”.
Neste contexto contraditório, o papa também quis destacar que a Igreja faz uma chamada às consciências de todos os profissionais e voluntários da saúde. Por isso, o Santo Padre falou da cultura do descarte, “que hoje escraviza os corações e as mentes de muitos, têm um custo alto: requer que sejam eliminados seres humanos, especialmente se são fisicamente e socialmente mais fracos”. E o papa afirmou que “nossa resposta a esta mentalidade” é um sim, decidido e sem vacilação, à vida”.

Da mesma forma observou que "as coisas têm um preço e são vendáveis​​, mas as pessoas têm uma dignidade" e, portanto, continuou, "a atenção à vida humana na sua totalidade tornou-se nos últimos tempos uma verdadeira e própria prioridade do Magistério da Igreja, em especial a favor dos mais indefesos".

Neste sentido, Francisco lembra que "no ser humano frágil todos devemos reconhecer o rosto do Senhor". E acrescenta “cada criança não nascida, mas condenada injustamente ao aborto, tem o rosto do Senhor, que antes mesmo de nascer, e depois logo nascido experimentou a rejeição do mundo. E cada ancião, também enfermo ou no fim dos seus dias, traz em si o rosto de Cristo. Não podem ser descartados!”, advertiu o Papa.

O terceiro aspecto que enfatizou foi o de dar testemunho e difundir a “cultura da vida”. Encorajou os presentes com as seguintes palavras: “Ser católicos implica uma maior responsabilidade: em primeiro lugar consigo mesmo, pelo esforço de coerência com a vocação cristã; e depois com a cultura contemporânea, na necessidade de ajudar a reconhecer a dimensão transcendente da vida humana, o rastro do trabalho criador de Deus, desde o primeiro instante da sua concepção”. E recordou-lhes que “O Senhor conta convosco para difundir “o evangelho da vida”.


Concluindo o seu discurso, o bispo de Roma disse-lhes que “vocês estão chamados a terem uma preocupação pela vida humana na sua fase inicial, lembrem isso a todos, com fatos e com as palavras, que esta seja sempre, em todas as fases e em todas as idades, sagrada e sempre de qualidade. E não por ser um argumento de fé, mas de razão e de ciência!


Da mesma forma, lembra que “não existe uma vida humana mais sagrada do que outra, como não existe uma vida humana qualitativamente mais significativa do que outra. A credibilidade de um sistema sanitário não é medida somente pela eficiência, mas especialmente pela atenção e o amor com as pessoas, cuja vida é sempre sagrada e inviolável".


O Discurso completo em italiano pode ser lido AQUI.